Enxoval de Bebê

enxoval de bebê

O exame deu positivo, e o bebê está a caminho: é hora de pensar no enxoval de bebê! As opções são diversas, tanto para meninos como para meninas. Algumas listas de enxoval são maiores, e outras bem pequenas, mas tudo vai depender dos itens que você considerar de vital importância. Nem tudo é necessário, mas existem determinados itens são essenciais para receber o bebê com total conforto e aconchego. Quando você começar a procurar e olhar o enxoval de bebê, uma coisa importante a ter em mente é a época em que ele vai chegar: será no tempo do calor ou em dias com temperaturas normalmente baixas? Se o bebê nascer quando os dias são mais quentes, é dispensável comprar muitos edredons, cobertores ou mantas. Se o bebê nascer durante os dias de inverno, não esqueça que eles são bem mais sensíveis em comparação aos adultos, e por isso é extrema atenção para protegê-los contra o frio. Sapatinhos, toquinhas, meias e luvas são itens essenciais para aquecer o recém-nascido. O enxoval de bebê deve ser escolhido com carinho e cuidado que seu filho merece.

Algumas dicas para comprar o enxoval de bebê

Compre as roupinhas e os itens do enxoval de bebê progressivamente, isto é, pouco a pouco. Não é obrigatório comprar tudo de uma só vez, e  provavelmente você poderá ganhar muitas peças do enxoval de bebê por meio dos parentes e amigos. Como já falamos em outros artigos aqui no site, os bebês crescem bastante rápido e devem perder algumas roupinhasas em pouco tempo. É interessante que todas as roupinhas do bebê sejam confeccionadas em 100% algodão, de preferência, porquê é um tecido agradável, confortável e utilizado em diversas marcas tradicionais. Prefira os tecidos de algodão respirável, pois eles ajudam a manter o bebê fresquinho no verão e protegem muito bem no inverno. Evite deixar as roupinhas no enxague para deixá-las perfumadas, pois o bebê poderá ter algum tipo de reação alérgica. Procure escolher as roupinhas que podem ser lavadas com sabão de coco ou neutro, para reduzir as chances de alergias. Se for possível ainda, faça questão de que o enxoval de bebê seja confeccionado de materiais anti-alérgicos e material específico para bebês.

Não deixe o enxoval de bebê para a última hora

Evite deixar para preparar o enxoval de bebê no fim da sua gestação. Nas semanas finais, a tendência é a de que seu cansaço aumentará, você deverá enfrentar alguma indisposição e eventualmente terá certos tipos de dores nas pernas e nas costas, além de estar muito ocupada com outras obrigações, deveres de casa e alguns outros compromissos pessoais. Por essa razão, comece a providenciar o enxoval de seu bebê assim que for possível, ainda em suas primeiras semanas de gravidez, logo depois de você receber a notícia — e a benção de Deus — de que será mamãe em pouco tempo.

Procure não vestir qualquer roupinha em seu bebê antes de assegurar que a roupinha está bem lavada e foi realmente passada à ferro quente. Não se deixe iludir pelo fato da roupa ser nova e por que, aos seus olhos, ela está limpa. As roupinhas passaram por muitas mãos e lugares que não podemos sequer imaginar, e bem provavelmente ela esteve em contato com várias bactérias e outros micro-organismos potencialmente prejudicais para o bebê. Lembrando também que o enxoval de bebê contém vários materiais diferentes, vindos de diversos fabricantes e lojas do país ou exterior.

É fundamental passar as roupinas, pois o calor do ferro irá remover todas as impurezas que possivelmente existem. Colocar as roupinhas em exposição ao sol também irá favorecer para eliminar fungos e outras sujeiras invisíveis aos olhos. Sejamos cautelosos, tendo este cuidado atencioso com todas as peças do enxoval de bebê.